quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Da série "As catacumbas de um cérebro baldio"

Prosseguindo na sua intenção de jogar cidadãos contra cidadãos, dividir e conquistar, o PT agora elegeu sua nova Geni. Depois da "direita", da "mídia golpista" e da "classe média fascista, violenta e ignorante" (Teorema de Chauí), agora é a vez dos médicos brasileiros.

Para espalhar escravos cubanos nos postos de saúde fazendo proselitismo ideológico, o PT colocou em funcionamento sua máquina de destruir reputações, aquela que repete uma mentira à exaustão até que esta se torne uma meia-verdade.

E para o PT, um partido que transformou a presidência numa mentira, meias verdades já bastam.

Existem médicos mercenários? Sim. Em Cuba só não existe porque lá o Estado manda prender e arrebentar.

Existem negligência? Sim. Imprudência? Sim. Imperícia? Sim.

Mas depois que o "gigante" foi para a rua em junho de 2013 pedir menos corrupção, menos inflação, menos impostos, melhor infra-estrutura e ganhou...médicos cubanos (???), o PT precisava criar uma briga na sociedade para desviar a atenção.

Conseguiu. Hoje vemos até pessoas no campo da oposição se digladiando sobre se é legal ou não vaiar os escravos do Fidel, criticar os escravos do Fidel e sequer chamar os escravos do Fidel de escravos do Fidel.

Hoje já tem gente, como o pateta aí da foto, que só falta equiparar um médico brasileiro a Josef Mengele.

E para você, que detesta o PT mas sente aquele comichão para embarcar nessa, ressentido pelo péssimo atendimento do SUS que não tem NADA a ver com os médicos, e praticamente TUDO a ver com a incompetência do governo, meus parabéns: você caiu em mais uma armadilha do PT.

Cuidado para não virar mais um cérebro baldio.



0 Comentários