terça-feira, 18 de março de 2014

O que o PT pensa sobre a redução da maioridade penal e o desarmamento?

Não existe nenhuma justificativa plausível para que um animal que premedita um crime dias antes de completar 18 anos, para assim ser julgado como menor e receber do Estado uma pena branda e uma caixa de bombons, não possa ser julgado como adulto.

Segue a notícia do Estado de São Paulo:

"O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), disse nesta terça-feira, 18, que pode pautar em abril a votação de uma proposta que reduz a maioridade penal em determinadas circunstâncias. O anúncio ocorreu logo após Renan ter recebido em seu gabinete a visita de familiares de Yorrally Dias Ferreira. A jovem de 14 anos, moradora da periferia de Brasília, foi assassinada com um tiro na cabeça pelo ex-namorado dois dias antes de ele completar 18 anos.

No mês passado, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa rejeitou uma proposta que permite a redução da maioridade penal para 16 anos em algumas hipóteses, como nos casos em que o menor tenha cometido crimes hediondos, tráfico de drogas com uso de violência ou reincidência em crimes violentos. O líder do PSDB no Senado, Aloysio Nunes Ferreira, conseguiu apoio para apresentar um recurso a fim de que o texto seja votado em plenário.

Questionado se a proposta pode ir à votação, Renan respondeu: "Eu acho que sim. Nós vamos conversar com os líderes e já assumimos o compromisso de pautar a matéria. É uma matéria complexa, mas será, sobretudo, a oportunidade para que cada um vote da maneira que entender que deva votar."

Esse é um dos assuntos que a oposição (se é que existe mesmo uma) deveria usar para demarcar claramente a linha que separa o Brasil que presta da esquerda farofeira liderada pelo PT.

Assuntos como o desarmamento e a redução da maioridade penal são dois, dentre muitos, que colocam a esmagadora maioria dos brasileiros de um lado e a escumalha vermelha do outro.

Mas infelizmente até aqui não houve um candidato ou líder oposicionista que obrigasse o PT a se posicionar claramente sobre isso. Seja na propaganda eleitoral, seja nos debates, seja na pauta da imprensa, o PT recebe salvo-conduto para fingir que não está contra a maioria da população nesses e outros assuntos.

É preciso fazer com que Dilma Rousseff e os demais petistas digam claramente o que pensam sobre essas questões. Eles precisam ser levados debaixo de chicote para fazer uma dessas duas coisas: dizer que são contra a redução da maioridade penal, mantendo verdadeiros monstros a solta e que são a favor do desarmamento, mantendo o cidadão desprotegido ou então mentir descaradamente.

Chega de falar em privatização, em Bolsa Família, chega de chafurdar na lama do PT. A oposição precisa mostrar ao brasileiro que o PT representa tudo o que ele mais abomina.

Em tempo: já passou da hora de tratar como adultos os menores de idade que cometem certos crimes. Quem estiver com pena que adote e leve para casa. 



O animal da foto foi um dos que arrastaram pela rua e mataram o menino João Hélio. Depois de passar três anos tomando leitinho às custas do pagador de impostos ele voltou às ruas. Em 2012 foi preso novamente de posse de um carro roubado, maconha, cocaína e uma arma.
0 Comentários