terça-feira, 1 de julho de 2014

O caldeirão das loucas

O Luciano Huck (alvo constante do ódio da esquerda caviar e seus soldadinhos de cannabis nos DCEs) fez uma brincadeira: anunciou que iria ajudar cariocas solteiras a encontrar o "gringo dos seus sonhos" durante a copa do mundo.

Pediu para enviarem fotos e disse que organizaria algo que já existe na TV desde que a sua avó era MILF e a sua mãe era Lolita: um Namoro na TV.

Noooossa! As feministas ficaram umas araras! O "coxinha" tratou mulheres como mercadoria. O "branco de elite" usou um estereótipo horroroso", tentou "fazer a mulher de mercadoria".

O apresentador narigudo deletou o post onde anunciava a brincadeira no seu Facebook e a Globo teve que emitir uma nota declarando ser contra "qualquer tipo de violência e sempre apoiou campanhas contra a exploração sexual de mulheres".

Então fica combinado assim: Carioca? Solteira? Louca pra encontrar um príncipe encantado entre os gringos? Não mande email pro Huck que as feministas não deixam. Coloque uma calça enfiada na bunda, um top com barriga de fora, um piercing de camelô e vá se prostituir na calçada, porque aí pode, aí as feministas deixam, aí elas fazem até uma marcha e se dizem "vadias" também.

Sabe como é, as delegadas da "perseguida" alheia estão sempre por aí de olho para ver se você anda por aí usando a sua de um jeito que ELAS consideram "progressista".

Link da notícia: http://veja.abril.com.br/noticia/celebridades/campanha-de-huck-reforca-estereotipo-criticam-mulheres



0 Comentários