quinta-feira, 11 de junho de 2015

A reação do eleitor

O deputado BBB Jean Wyllys fez uma grave denúncia em sua conta no Twitter: "fundamentalistas" rezaram no plenário da Câmara dos deputados. Isso mesmo, rezaram, veja que coisa terrível.
Por onde começar? Sinceramente, a vontade é de começar pelo aeroporto e deixar essa jaula de javalis com diarreia mental para trás.
Porque imagine ter que conviver pacificamente com a existência de um PSOL ou de uma Maria do Rosário? Quer dizer então que pode roubar tudo, comprar e vender votos, saquear a Petrobras, cometer estelionato eleitoral, mas REZAR não pode porque aí o PSOL e os defensores da "tolerância" se incomodam?
Se tivessem feito beijaço gay e debochado da crucificação ainda vá lá, mas ISSO, isso não!
E reclamam do "perfil conservador do Congresso", ora bolas, o perfil do Congresso é o de quem o coloca lá e quanto mais forçarem a mão de um lado, mais o eleitor vai forçar do outro. Ação e reação.
Vocês acham esse Congresso conservador? Esperem 2018 pra ver então. Vai ser nível audiência do Cidade Alerta.
A minoria não pode e nem deve ser esmagada pela maioria, mas não pode e nem deve querer se impor a esta no berro.
E quando o Congresso estiver cheio de ex-delegados e coronéis, apresentadores de programas policiais e políticos cada vez mais conservadores, lembrem-se apenas de uma coisa: foram vocês, "progressistas" com odor de fascistas, que os colocaram ali.
O eleitor apenas reagiu.
0 Comentários