sexta-feira, 3 de julho de 2015

Mais redução

Ainda sobre a redução da maioridade que foi aprovada pela câmara, uma palavrinha com nossa democrática e tolerante turma progressista:
Vocês sabem que o menor vai precisar matar ou estuprar alguém primeiro para ir preso, né? Não é como se o EduardoCunhafundamentalistagolpistafascistaetcetcetc fosse "mandar prender jovens", coitados, só porque estão por aí andando na rua cuidando da sua vida ou cometendo pequenos delitos como roubar frutas na feira ou desfilar com uma bandeira do PSOL ou da UNE, mesmo porque como muito bem li por aí, o estudante mais novo da UNE tem uns 25 anos.
O "jovem pobre, negro e etc." que não cometer crime bárbaro digno de filme de terror B não vai ser jogado num presídio a espera da "revogação da lei áurea" pelos capitalistas coxinhas que desejam privatizar presídios para viver do "comércio de carne negra", esse "jovem pobre, negro e etc." vai continuar livre e desfrutando das "oportunidades" que a excelente educação do país depois de 13 anos de PT oferece a ele.
Também vai continuar usufruindo dos excelentes transportes públicos para ir ao trabalho onde ganhará mal e para voltar para sua casa na favela ou periferia onde as cidades brasileiras parecem cenário de Mad Max.
No mais, se apenas 1% ou 2% dos "jovens" praticam esses crimes mais graves, então o argumento de que "presídios superlotarão" é furado, porque 98% ou 99% deles continuarão sendo tratados como sempre, para o sistema continuar falhando como sempre.
Tudo vai continuar essa perfeição aí que segundo a esquerda dá tão certo que não pode ser mudado em nada, MENOS para quem tiver mais de 16 anos e matar ou estuprar, aí o ASSASSINO ou ESTUPRADOR em questão vai preso, a menos, claro - e nesse caso a provocação é merecida - que algum progressista com pena resolva adotá-lo e levá-lo para a sua casa.
0 Comentários