quinta-feira, 1 de outubro de 2015

Benjamin Netanyahu e o silêncio da ONU


"O Irã prometeu, e eu cito, "não haverá Israel em 25 anos". Setenta anos depois do assassinato de seis milhões de judeus, os líderes do Irã prometem destruir o meu país, assassinar o meu povo, e a resposta desta entidade, a resposta de praticamente todos os governos representados aqui tem sido ABSOLUTAMENTE NADA a não ser o silêncio, um silêncio ensurdecedor".
Benjamin Netanyahu.
Logo após dizer isso ele encara os presentes na assembléia geral da ONU por 45 segundos de constrangedor silêncio, o silêncio da vergonha dos que nada fazem em relação às ameaças do Irã à Israel.
Israel viverá para sempre. Pelo bem da humanidade Israel deve viver para sempre. Am Yisrael Chai!
0 Comentários