quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Kim Kataguiri


Estou andando pela avenida Paulista, minding my own business, e de repente ouço um sujeito com pinta de revolucionário de apartamento dizer "ele é o mascote da direita".
Claro que não poderia ser eu, não sou conhecido assim e muito menos tenho idade para ser mascote.
Não precisei caminhar mais nem 5 metros para descobrir o alvo do comentário ferino do Che Guevara da Forever 21: Kim Kataguiri. Expoente do Movimento Brasil Livre, uma das caras da luta contra o PT e novo colunista da Folha.
Estava panfletando para divulgar a manifestação anti-Dilma e pró-vergonha-na-cara que acontecerá no dia 13 de março e que, por acaso, você que me lê neste momento está convocado a participar.
Agora pergunta se o Boulos, a Barbie da UNE ou algum outro mortadeleiro faria isso assim de graça, numa tarde chuvosa de São Paulo.
Tive que registrar o momento.
0 Comentários