terça-feira, 7 de agosto de 2018

Pelo fim da gourmetização




O ser humano gosta de ser enganado. Outro dia vi uma "pipoca artesanal e orgânica" embalada a vácuo. Agora o bom e velho FILTRO DE BARRO virou um "Fresh Vittro", que "introduz vibrações positivas na água por meio das palavras Amor e Gratidão gravadas no barro". A diferença de um filtro de barro para um "Fresh Vittro" (assim mesmo, com dois Ts, igual Pablo Vittar)? Dois mil, setecentos e quarenta e seis reais. Não me entenda mal: a pessoa gasta o dinheiro dela com a porcaria inútil que quiser, até mesmo shows do Chico Buarque, mas vão gostar de ser enganados assim lá na China. A gourmetização vai acabar com a sociedade ocidental. 😛😜
0 Comentários