quarta-feira, 8 de agosto de 2018

Uma historinha para sua reflexão

Um rapaz que conheço e trabalha de office-boy estava presente numa briga na qual um indivíduo foi morto. O assassino confesso o inocentou, duas testemunhas o inocentaram, outros dois envolvidos já morreram (estavam metidos com o crime) e esse rapaz é pai de três filhos.
Pois bem, com tudo isso, algum juizão zeloso resolveu emitir um mandado de prisão preventiva contra ele. Está há mais de mês no sistema penitenciário do RJ. Já levou uma surra dos agentes, ficou sem andar, tiveram que contrabandear antibióticos para que não morresse, mas piora.

O julgamento, no qual o advogado diz que ele muito provavelmente será exonerado imediatamente, dado o que consta nos autos, vem sendo adiado e o rapaz está desesperado. Sem contato com a sua família e misturado no meio dos marginais de verdade, que chegaram a ficar com pena dele.
Finalizo com uma informação que todos sabemos, mas não custa lembrar: José Dirceu, marginal condenado, está livre e permanece articulando maneiras de interferir numa eleição presidencial.
0 Comentários